as medidas do tempo (António José Cravo)



cacilda brandão_torreira



contas o tempo
em máquinas
e outros artefactos

acaso pensaste
no tempo de ser?

quantas horas
tem um minuto de dor?
quantos meses
um dia de fome?
quantos anos
um sorriso de uma criança?

quantos séculos
se inscrevem
nos rostos crestados
pela terra e o sal?

são de gente
os ponteiros
do meu relógio
diverso tempo
este

onde a morte
espreita

(António José Cravo)


Um comentário :

  1. obrigado miúda grande.

    do outro lado do oceano há um sorriso feito de carinho que te deixa no rosto a alegria de seres.

    ResponderExcluir