[RESENHA] Passarinha - Kathryn Erskine


 

 Tentei começar Passarinha, anteriormente, num mau momento de leitura, e não fluiu. Agora, fico surpresa com o quanto a narrativa da Kathryn Erskine me conquistou.
  Eu tinha certo medo em relação ao livro, talvez por saber o que acontecia aos personagens em tempos anteriores aos quais a história de Caitlin é contada. Felizmente, a autora me mostrou um lado sublime da perda da protagonista. 
  
  Caitlin é uma menina de quase onze anos que tem Síndrome de Asperger, tendo que suportar a morte do irmão mais velho, Devon, com seu pai ao lado.
  Devon era quem ajudava a irmã caçula a se comportar de maneira correta, e a aconselhava sempre, protegendo-a para que não sofresse o que uma criança como ela sofre o tempo todo. 

“Não quero Devon por perto de um jeito diferente. Quero Devon por perto do mesmo jeito. Do jeito que era antes. Quando ele faz pipoca e chocolate quente para mim. E me diz o que falar e que roupas vestir e como não parecer esquisita para as outras crianças não rirem de mim. E ele joga basquete comigo.”

  O pai de Caitlin, desde que perdeu o filho, não sabe como agir, e tenta negar que ele morreu. O quarto de Devon está fechado, e seu armário incompleto de escoteiro, escondido por um lençol. 
  A menina só tem uma pessoa com quem falar, a diretora do colégio, mas não tem a mínima ideia de como dizer o que sente, porque não consegue e não é confortável para ela. Não tem amigos, o que faz com que não aceite a situação em que ela e o pai estão no momento. 
  Quando finalmente conhece alguém que pode compartilhar com ela as mesmas coisas que sofre, vai descobrir pouco a pouco que todos têm algo a dividir e que sempre existem dores não ditas, até mesmo de pessoas que parecem não se importar com ninguém. Caitlin aprende isso, tanto com um amigo quanto com quem não parece nada amigável.

“Não posso deixar de rir. Fico imaginando um anjo carregando um copo de chá gelado numa bandeja.
Michael também ri. Sabe qual é a coisa que ela diz que eu acho mais engraçada? Quando ela quer que você fique calmo ela diz... Não perca a cabeça!
Eu continuo rindo. Como é que alguém pode perder a cabeça?”

  Ao conhecer a história dela, lembrei-me cada vez mais de Extraordinário, livro de R. J. Palacio. A protagonista de Passarinha e Auggie sofrem de maneiras parecidas, e ambos superam as dificuldades que os prendiam. 
  Caitlin também me encantou com suas palavras, talvez mais profundamente, embora a torrente de emoções não tenha me alcançado do mesmo jeito. Ri e vibrei com ela, a cada nova descoberta sobre o que poderia fazer para viver o que seu irmão gostaria que vivesse.

“A vida é especial.
Quer dizer... que não sou só eu que sou especial? Tudo na vida é? Isso mesmo.
Acho que a boa notícia é que todo mundo vai ter que aguentar ser especial porque todo mundo está vivo.”

Título Original: Mockingbird
Autora: Kathryn Erskine
Tradução: Heloísa Leal
Editora: Valentina
Páginas: 224
Ano de Publicação: 2013
ISBN: 978-85-6585-913-4


Classificação:


12 comentários :

  1. Oiie, Letícia! Que bom que você curtiu "Passarinha"! Ele também me lembrou "Extraordinário", exatamente pelas dificuldades que os protagonistas têm que passar em relação à escola e a tantas outras coisas! Sick-lit é amor! <3
    Bjo!

    www.bibliophiliarium.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Tici! Foi a sua resenha que me motivou a ler o livro, na verdade, e muito obrigada por isso. *-* Concordo com você, sick-lit é puro amor, adoro o gênero. <3 Beijo!

      Excluir
  2. Todo mundo fala que esse livro é excelente. Acho a capa muito bonita – sim, julgo livros pela capa, haha – e estou com muita vontade de ler. Adorei a resenha!
    Beijos,
    http://livrodeunicornios.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Júlia! Além da capa do livro ser linda (eu também julgo pela capa haha), a história tem tudo a ver com ela. Leia! Obrigada *-* Beijos

      Excluir
  3. Oiee

    Também tenho um certo receio em ler este livro mas morro de vontade de ler, gostei muito da resenha e espero poder ler em breve!

    Beijos

    www.livrosechocolatequente.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Andressa! haha Não precisa ter medo, eu comprovei isso. A história de Caitlin é a coisa mais linda, leia, você não vai se arrepender! Beijos

      Excluir
  4. Aii é tanto livro pra ler né. Eu adoro a Valentina, mas ainda não comprei esse livro, e tá na minha lista desde o lançamento.

    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi May! Esse foi o primeiro livro que li da editora, e adorei. Tenho certeza que você vai adorar. Beijos

      Excluir
  5. Que quotes lindos ♥
    Letícia, linda resenha. Sabe, eu acho que quero ler Passarinha tipo, AGORA

    Beijo,
    João Victor - Amigo do Livro
    http://amigodolivro.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. PRECISO LER ESSE LIVRO! Você estava certa Leti, agora tudo que eu quero é esse livro em mãos! Chega estou emocionada com o enredo da história... Obrigada pela resenha, de verdade!

    Bjinhos,
    www.estavarelendo.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  7. Oi, Letícia!
    Eu tenho uma grande curiosidade com esse livro, a história me parece bastante profunda e comovente. A trama é intensa e eu pretendo ler assim que eu conseguir um exemplar do livro. Eu gostei muito da tua resenha, só me deixou ainda mais curiosa com relação ao livro!
    Beijos, Patrini.
    http://livroosviajantes.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Patrini! Muuito obrigada! haha Compre logo esse livro, menina! É lindo, lindo, você vai amar. Beijos

      Excluir